Na temporada 2021 do Instituto CPFL, a frente CPFL nos Hospitais está presente em 28 instituições de 18 diferentes cidades, dividida em dois eixos:

Eixo de Humanização Hospitalar: por meio das artes cênicas, dos jogos, de atividades lúdicas, da narrativa e da música, artistas contribuem para os processos de humanização dos ambientes hospitalares, potencializando os tratamentos médicos. Neste eixo, o Instituto CPFL trabalha apoiando os projetos Griots: os contadores de histórias, Médicos do Sorriso e Leiturinha nos hospitais >> Em 2021, o eixo abarca 17 hospitais, 04 lares de idosos e 15 cidades.

Eixo de Melhorias de Infraestrutura: integra iniciativas da área de  Eficiência Energética do Grupo CPFL para beneficiar hospitais das comunidades do grupo, promovendo melhorias na infraestrutura hospitalar (reparos em instalações, aquisição de equipamentos e ampliação de espaços), além do apoio à realização de pesquisas clínicas na área de oncologia >> Em 2021, o eixo abarca, 06 hospitais e 1 lar de idoso, 07 cidades.

__ __ __

Siga-nos nas redes sociais:
Instagram
Facebook
Twitter
LinkedIn

Inscreva-se em nosso canal no
Youtube

Eixo 1: Humanização Hospitalar

  • Griots: os contadores de histórias

    A contação de história é utilizada pelos voluntários da associação para trabalhar os sentimentos e a criatividade dos pacientes, contribuindo para humanizar o ambiente hospitalar e acelerar os tratamentos médicos.

    Devido ao aumento dos casos causados pela pandemia da Covid-19, ao longo do ano de 2021 o projeto pode sofrer alterações segundo as diretrizes de saúde e de segurança. O projeto não pode ser executado presencialmente, mas virtualmente (com produção de vídeos). Os Griots mantém um canal no Youtube, no qual publicam, desde 2020, variados vídeos-contações: 

     

    • Centro de Reabilitação Lucy Montoro, Campinas

    • Centro Infantil Boldrini, Campinas

    • Hospital das Clínicas da Unicamp, Campinas

    • Hospital e Maternidade Celso Pierro, Campinas

    • Hospital Municipal Dr. Mário Gatti, Campinas

    • Lar dos Velhinhos de Campinas, Campinas

    • Casa de Idosos: Lar Feliz Rocha, Hortolândia

    • Casa de Idosos: Recanto dos Idosos, Hortolândia

    • Casa de Idosos: Recanto Jovem, Hortolândia

    • Hospital Municipal de Itapira, Itapira

    • Santa Casa de Itatiba, Itatiba

    • Hospital Estadual de Sumaré, Sumaré

    • Hospital Augusto de Oliveira Camargo, Indaiatuba

  • Médicos do Sorriso

    O projeto atua na saúde física e mental dos pacientes de hospitais públicos. A equipe consiste em artistas cênicos profissionais e músicos que, através da arte e da criatividade, proporcionam leveza ao ambiente hospital.

    Devido ao aumento dos casos causados pela pandemia da Covid-19, ao longo do ano de 2021 o projeto pode sofrer alterações segundo as diretrizes de saúde e de segurança. O projeto não pode ser executado presencialmente, mas virtualmente (com produção de vídeos). Os Griots mantém um canal no Youtube, no qual publicam, desde 2020, variados vídeos-contações: 

    • Caxias do Sul (RS)

    • Montenegro (RS)

    • Veranópolis (RS)

    • São Leopoldo (RS)

    • Canela (RS)

    • Farroupilha (RS)

    • Bento Gonçalves (RS)

Eixo 2: Melhorias de Infraestrutura

    • Hospital Comunitário São Peregrino Lazziozi, Veranópolis (RS)

    • Hospital Pompéia, Caxias do Sul (RS)

    • Hospital do Amor, Barretos (SP)

    • Centro infantil Boldrini, Campinas (SP)

    • Casa do vovô (lar de idosos), Ribeirão Preto (SP)

    • Hospital de Base, São José do Rio Preto (SP)

    • Hospital Pequeno Príncipe, Curitiba (PR)