5 vídeos

modelo do setor elétrico brasileiro

com curadoria de nivalde josé de castro.

o objetivo dessa série foi apresentar a evolução do setor elétrico brasileiro nos últimos 100 anos com base em quatro elementos centrais de sua formação e consolidação: planejamento, operação, regulação e financiamento. o curador é nivalde josé de castro, economista.

gravado em agosto de 2012.

serie (5): modelo do setor elétrico brasileiro

  • íntegra | importância e desafios da matriz elétrica de fontes renováveis, com ricardo raineri (tradução simultânea)

    a matriz elétrica brasileira desenvolveu-se ao longo do século 20 centrada na construção de hidroelétricas, em diferentes bacias hidrográficas, muitas com reservatórios de grande porte, criando um extenso e complexo sistema elétrico de dimensão continental com capacidade de regularizar a oferta hídrica ao longo de todo ano. a partir do inicio do século 21, constata-se uma mudança neste padrão de geração derivado, em grande medida, de uma legislação ambiental que tem impedido a construção de usinas com reservatórios de acumulação.
  • íntegra | desenvolvimento técnico e econômico da energia eólica, com jens molly

    nos últimos 25 anos a energia eólica, uma fonte de energia sustentável e inesgotável, se tornou uma fonte confiável e econômica nos sistemas de fornecimento de energia elétrica de muitos países no mundo. no início dos anos 90 do século passado, a marcha triunfal desta forma natural de energia começou no norte da europa, no pequeno país dinamarca, seguida pela alemanha, que foi por muitos anos a campeã nas instalações de aerogeradores, efeito de um apoio financeiro fixado numa lei que garantiu uma remuneração fixa sobre a vida útil de 20 anos dos aerogeradores. nos últimos seis anos a china instalou mais de 63 mw, isto é mais do que o dobro da potência eólica que a alemanha instalou nos últimos 23 anos. no mesmo período, o tamanho dos aerogeradores cresceu 10 vezes, de 15 m de diâmetro do rotor para 150 m e a potência aumentou 140 vezes, de 50 kw para 7.000 kw. estes gigantescos novos aerogeradores são desenvolvidos para o uso em usinas eólicas offshore, onde existe um potencial eólico enorme no mundo inteiro. já existem na inglaterra, dinamarca, bélgica e alemanha instalações offshore com 4.000 mw, e a alemanha tem planos concretos de instalar na faixa de 20.000 mw até o ano 2030. sobre todo este desenvolvimento da energia eólica a palestra informa com muitos detalhes técnicos e econômicos.
  • íntegra | a evolução do setor elétrico brasileiro e os 100 anos de cpfl, com nivalde josé de castro

    “o setor elétrico brasileiro tem seu crescimento diretamente associado à dinâmica do desenvolvimento econômico e social do brasil. na passagem para o século 2o, onde a atividade econômica era mais intensa, surgem empresas de utilidade pública para atender a demanda potencial por energia elétrica. por se tratar de um setor de infraestrutura estratégico para um país de dimensões continentais e com grandes possibilidades de crescimento e desenvolvimento ele passou por quatro fases, quatro modelos de estruturação e em todos eles a cpfl teve um papel importante."
  • íntegra | regulação do setor elétrico brasileiro, com nelson hubner

    o diretor-geral da agência nacional de energia elétrica, nelson josé hubner moreira, aborda o papel da regulação no setor elétrico brasileiro. hubner destaca os aspectos estratégicos e político-institucionais do setor, e também as atribuições da agência reguladora no ordenamento legal da estrutura e do funcionamento do setor elétrico brasileiro.

sobre o cpfl play

aqui você encontrará toda a coleção de vídeos produzida em encontros do instituto cpfl desde 2003. são milhares de horas com os maiores pensadores brasileiros, artistas, convidados internacionais. todo o acesso é gratuito, e o acervo está organizado por temas, coleções, séries, palestrantes, para que você possa navegar pelo conhecimento contemporâneo da melhor maneira possível. bom proveito!